Home / Notícias / O Know How é a chave do sucesso

O Know How é a chave do sucesso

Jose-Abel-Norberto-Rodrigues

José Abel, CEO Norberto Rodrigues

A Norberto Rodrigues é provavelmente das empresas mais antigas do país na prestação de serviços de lavandaria. A história tem um percurso invulgar. Nasceu pelas mãos de Norberto Rodrigues em 1944, com a abertura da primeira lavandaria em Campo de Ourique, Lisboa.

Algures na década de 50 criou-se a empresa Representações Norberto Rodrigues, quando o fundador fez chegar a Portugal a primeira máquina de lavar a seco. Manteve-se com este nome até aos anos 70 e desde então passou a chamar-se Norberto Rodrigues, Lda. A empresa permaneceu na família de Norberto Rodrigues pela mão de Carlos Rodigues até há precisamente cinco anos.

É aqui que entra para a história José Abel, um colaborador que se juntou à empresa há 22 anos e que era responsável por prestar assistência técnica aos clientes.

Apesar de ser um nicho, nós conseguimos arranjar mercado para nós. Tudo o que uma lavandaria precisar, nós temos

Após a passagem por uma fase mais delicada na empresa, José Abel viu uma oportunidade de crescer e ser percursor de um trabalho que acompanhou por muitos anos. Adquiriu a empresa e optou por manter o nome, uma vez que a marca era já uma referência no mercado. Nestes últimos cinco anos a Norberto Rodrigues “cresceu brutalmente tanto ao nível do trabalho, como de faturação e também de clientes”, refere o atual proprietário.

Para quem não conhece, a Norberto Rodrigues dedica-se à comercialização de máquinas e equipamentos de lavandaria, ou seja, de máquinas, assessórios, produtos químicos, consumíveis, entre outros. O mercado é muito específico. Estamos a falar, por exemplo, das lavandarias comerciais, das lavandarias industriais e das lavandarias self-service. “Apesar de ser um nicho, nós conseguimos arranjar mercado para nós. Tudo o que uma lavandaria precisar, nós temos”, assegura José Abel.

O campo de atuação da Norberto Rodrigues é mais abrangente. Prestam ainda serviços de assistência técnica, instalação, pré-instalação, pós-venda e serviço de garantia. Para além das lavandarias comerciais, que representam uma fatia considerável de todo o seu mercado, a Norberto Rodrigues tem alguns clientes de referência como o Ginásio Clube Português, as cadeias de hotéis Real e Altis, o colégio Salesianos de Lisboa, entre muitos outros.

Em 2006 a empresa entrou no mercado internacional com mais intensidade, com destaque para Angola, e desde então os negócios têm sido recorrentes. O mercado está essencialmente centralizado na área da Grande Lisboa mas a empresa atua em quase todo o território nacional, não só através da venda direta como também através da revenda. “Muitos dos nossos clientes são empresas que trabalham para a hotelaria, por exemplo, e que recorrem até nós para comprar peças ou simplesmente para pedir apoio”, acrescenta o proprietário.

Recentemente abriu a sua própria lavandaria self-service na Amadora, cuja adesão «está a superar todas as expectativas»

A Norberto Rodrigues tem o seu mercado consolidado graças ao know-how adquirido ao longo de todos estes anos, mas acredita que ainda tem muita margem para crescer. O primeiro passo foi já a recente contratação de um profissional da área comercial que já não existia na empresa desde os finais da década de 90. Embora esteja ainda numa fase muito embrionária, José Abel tem também em vista um projeto que permite à Norberto Rodrigues enveredar pela área das cozinhas industriais.

Agora a forte aposta vai passar pelas lavandarias self-service. Recentemente abriu a sua própria lavandaria self-service na Amadora, cuja adesão “está a superar todas as expectativas”, conclui.